Secagem do feijão: como ser mais prático e certeiro
Dicas Sexta . 29.05.2020  

Secagem do feijão: como ser mais prático e certeiro

Para manter as sementes conservadas por muito mais tempo, o indicado é fazer a secagem do feijão. Apesar de necessário, muita gente que trabalha com essa cultura acha a tarefa muito trabalhosa, mas tem solução. 

A afirmação é verdadeira. O fato é que fazer a secagem do feijão em sua própria propriedade é trabalhosa, pois um erro pode comprometer suas sementes e reduzir seu valor de mercado. Uma perda de tempo e tanto, não é? 

Continue lendo nosso conteúdo e saiba como fazer a secagem do feijão com muito mais praticidade e eliminar erros.

Por que fazer a secagem do feijão?

Para começo de conversa, é preciso entender porque é tão necessário fazer a secagem do feijão. O principal objetivo é reduzir a umidade dos grãos e aumentar a sua durabilidade

Outro ponto é que se não secados, de acordo com a Embrapa, os grãos de feijão com elevados teores de umidade, favorecem o desenvolvimento de microrganismos, como fungos e insetos.

Além disso, a temperatura do grão/semente e o processo respiratório aumentam consideravelmente. Desse modo, a massa e qualidade são reduzidas, consequentemente possuem menos vigor e potencial de germinação. 

Secagem industrial é a melhor saída

Normalmente a secagem do feijão ocorre da seguinte forma: as sementes são colocadas sob uma lona, revolvidos de vez em quando, durante 2 ou 3 dias. O problema é que o ponto certo pode não ser atingido.  

Se o grão ficar demais sob o sol e calor, sua qualidade fisiológica é comprometida. Capacidade de germinação, vigor e longevidade são afetados, fazendo com que a semente tenha menor valor e potencial produtivo.

É aí que entra a secagem industrial, uma medida que garante uniformidade no processo e a garantia de grãos mais íntegros. Além de ser muito mais simples, pois basta encontrar o parceiro mais experiente e que oferece o trabalho de qualidade.

Quando usar a secagem industrial

Existem alguns sinais de que a secagem do feijão de modo industrial é a melhor saída no seu caso. Quando a colheita do feijão coincidir com a estação chuvosa, pois os grãos estarão ainda mais expostos à umidade.

Climas muito úmidos, o recomendado é que a secagem seja feita até mesmo em lotes de sementes com 14% de umidade, diminuindo para 13% ou menos. O objetivo é preservar a qualidade e logevidade das sementes.

Além disso, se volume de produção for muito grande, principalmente em lavouras onde a colheita é processada de forma semimecanizada ou com colhedora automotriz adaptada. Nesse caso, a praticidade fala mais alto.

Conheça as vantagens de contratar uma empresa para a secagem

Fazer a secagem do feijão com equipamento à gás traz muitas vantagens para a sua produção. Conheça algumas delas: 

  • Manter cor e peso dos grãos;
  • Preservar o vigor e potencial germinativo;
  • Grãos de feijão com maior valor comercial, portanto mais nobres;
  • Secagem de feijão mais sustentável e com respeito ao meio ambiente.

Além de tudo, com mais praticidade, pois quem é responsável por todo processo é a sua empresa parceira. Interessante, não é?

Conte com a Caluba

A Caluba Sementes realiza a secagem de feijão com secador à gás. Oferecendo o melhor nesse serviço, com o máximo de compromisso para que seus grãos mantenham a alta qualidade e valor no mercado. 

É um grande diferencial para produtores de feijão, exclusivo na região. Ficou interessado? Clique aqui e faça uma cotação agora mesmo!

Postado por Vox Brazil Comunicação